Como Fazer um Mapa Mental? Aprenda a Focar no que Importa

como fazer um mapa mental, ilustração mostrando como fazer um plano de negocios em ingles

Você deve se perguntar como fazer um mapa mental, certo? Se você está cansado de perder tempo tentando organizar suas ideias? Ou de não conseguir lembrar de tudo o que estudou? Mapas mentais são uma ferramenta poderosa que pode ajudá-lo a organizar e visualizar informações de forma rápida e fácil.

A criatividade é essencial para resolver problemas e tomar boas decisões. Mas como estimular a criatividade? 

Uma forma é usar mapas mentais, uma ferramenta visual que pode ajudar a organizar e estruturar ideias. Ele funciona a partir de um conceito central, que é conectado a outros conceitos relacionados por meio de linhas e ramificações.

Se esse tema chamou a sua atenção, confira os assuntos abordados neste artigo!

O que é Mapa Mental?

Mapas mentais são uma ferramenta visual que ajuda você a organizar seus pensamentos em torno de um tópico. Eles usam palavras, cores, imagens e números para destacar ideias e fazer conexões. 

Criado por Tony Buzan, o mapa mental é considerado uma ferramenta visual poderosa que pode ser usada para uma variedade de propósitos. Eles são fáceis de fazer e podem ser usados por qualquer pessoa.

Para que serve o mapa mental?

Essas ferramentas fazem com que o mapa mental se torne versáteis podem ser usadas para uma variedade de propósitos, que ajudam a organizar e gerar ideias. Eles podem ser usados para estudar, aprender sobre algo novo e resolver problemas.

Esse método pode ser uma atividade individual ou em equipe e pode ser usado para todos os tipos de tarefas: aprendizagem, raciocínio por meio de ideias, planejamento estratégico, mapeamento de processos ou organização de quantidades avassaladoras de informações.

Tipos de Mapas Mentais

De acordo com Roy Grubb, Diretor Executivo da G&A Management Consultants e criador do Visual Thinking Center, existem dois tipos principais de mapas mentais:

  • Mapas onde o benefício está principalmente no processo de fazer o mapa, o processo de pensamento, o movimento da memória, o estímulo a novas ideias e associações;
  • E mapas onde o benefício é o mapa como referência e ponto de comunicação;

A melhor maneira de escolher o tipo de mapa mental certo é considerar o seu objetivo. Se você está procurando uma maneira de estimular o pensamento criativo e a geração de ideias, um mapa mental de processo pode ser a melhor opção. Se você está procurando uma maneira de organizar e comunicar informações, um mapa mental de referência pode ser a melhor opção.

Por que usar mapas mentais em vez de listas ou contornos?

Você não precisa fazer um mapa mental. Você pode fazer uma anotação naquele guardanapo ou usar um aplicativo de esboço para organizar suas ideias.

Então, por que mapas mentais?

As listas sempre ficam longas e atribuem importância em termos de onde o item está na lista. Se algo está mais abaixo, é inerentemente menos importante.

Se você tem tópicos que estão em um nível semelhante, é difícil mostrar isso em uma lista. Mapas mentais podem se reorganizar facilmente se você decidir que algo pertence a outra pessoa.

Os mapas mentais não capturam informações em uma linha reta. Eles podem mostrar conexões entre diferentes tópicos, da mesma forma que sua mente funciona. Listas e contornos são bons para tarefas simples, mas novas ideias são mais prováveis ​​de aparecer ao criar um mapa mental por causa do formato livre.

Quando se faz o planejamento de projetos, um mapa mental pode ajudar a reter ideias sem ter que definir etapas.. Sendo assim, uma lista linear, ou mesmo um esboço, pode impedir de pensar livremente.

Como fazer um Mapa Mental?

exemplo em gráficos de como fazer uma mapa mental

Um mapa mental é uma ferramenta visual que pode ser usada para organizar e gerar ideias. Ele é dividido em uma ideia central, que é o tópico principal do mapa mental, e subtópicos, que são ideias relacionadas à ideia central. Os subtópicos são ramificados a partir da ideia central, e cada um pode ter seus próprios subtópicos.

A criação deles é muito simples e você pode construí-los em um quadro branco, esboçá-los em um pedaço de papel ou usar um aplicativo de mapeamento mental. 

Ferramentas de Mapa Mental

Existem diversas ferramentas online onde você consegue se organizar, como por exemplo:

  • Canva: Uma ferramenta de design gráfico online que permite criar designs de forma rápida e fácil, sem precisar de conhecimentos de design gráfico.
  • Padlet: O Padlet é uma ferramenta online que permite criar murais colaborativos. Esses murais podem ser usados para uma variedade de propósitos, incluindo a criação de mapas mentais.
  • Miro: O Miro é uma ferramenta de colaboração online. Nele, você pode escolher um layout de mapa mental e adicionar ideias e conceitos usando texto, imagens, vídeos e outros elementos de acordo com as suas necessidades.
  • MindMeister: É uma ferramenta online de criação. Com a MindMeister, você pode criar mapas mentais de qualquer tamanho ou complexidade. Você pode adicionar texto, imagens, vídeos, links e outros elementos e também pode colaborar com outras pessoas em um mesmo mapa mental.

Veja as etapas básicas de criação de mapas mentais que podem ser aplicáveis a qualquer meio:

Comece no meio com uma ideia central

Você pode começar seu mapa mental com uma palavra, imagem ou figura que represente o tópico central que você quer mapear. Isso é o que você quer aperfeiçoar ou desenvolver por meio de uma informação visual.

Crie ramos para representar subtópicos

Os ramos devem ser limitados a palavras ou frases curtas. Por isso, mantenha um bom espaço entre as suas ideias para deixar espaço para acrescentá-las mais tarde.

Adicione detalhes ao seu mapa mental

Para separar ou agrupar diferentes tópicos ou ideias, você pode usar cores, palavras maiúsculas e minúsculas, estilos de fonte e até mesmo a espessura das linhas.

Ou você pode adicionar fotos, notas e muito mais para acrescentar mais detalhes ao seu mapa.

Faça conexões

Você pode desenhar linhas ou setas entre as ideias no mapa que deseja conectar. Dessa forma, continue expandindo pelo tempo que você precisar. Você pode ficar satisfeito com seu mapa após criá-lo. No entanto, você também pode continuar a ajustá-lo ou adicionar novas informações ao longo do tempo. 

Adicione palavras-chave

Quando você adicionar um subtópico ao seu mapa mental, inclua uma ideia-chave. Tente manter essa ideia o mais breve possível, quanto mais curta a ideia, mais fácil será lembrar e associar a outras ideias. Isso permitirá que você crie mais associações.

Quando usar mapas mentais?

Os mapas mentais costumam ser usados ​​nas escolas, então as pessoas tendem a associá-los principalmente ao aprendizado e ao estudo. Mas também existem muitos aplicativos de negócios para mapas mentais.

Muitos alunos aprendem como fazer mapas mentais para ajudar na aprendizagem, mas nunca incorporam a habilidade em suas carreiras de negócios. Assim, aqueles que descobrem que têm uma ferramenta que é boa para muito mais do que apenas entender o trabalho escolar desenvolvem o sucesso.

Já as empresas usam mapas mentais para criação de ideias, design de produtos, design de sites, planejamento de projetos, gerenciamento, redação de relatórios e teste de software de planejamento.

Aqui estão apenas algumas tarefas com foco em negócios que os mapas mentais podem ajudar:

Ao absorver o que você lê

Ler é uma forma importante de crescer como profissional, mas pode ser difícil encontrar tempo para aplicar o que você aprende em livros ou recursos com agendas lotadas.

Os mapas mentais podem ajudá-lo a realmente absorver o que lê. Por exemplo, é possível utilizar esse método para resumir um livro. Primeiro, você lê as partes relevantes da obra e depois deve grifar as palavras e frases que chamaram sua atenção.

Quando terminar de ler, volte e faça um mapa mental a partir das seções destacadas. Desse modo, é possível usar esse mapa mental para guiar com sucesso seu próximo projeto.

Ao preparar-se para um discurso ou apresentação

Os colaboradores recorrem aos mapas mentais — especialmente mapas escritos à mão — ao estudar, porque eles ajudam na memorização.

A experiência tátil de se desenhar um mapa mental à mão funciona muito melhor para memorizar. Isso é uma técnica comum na escola.

Você pode usar um processo semelhante para se preparar para um discurso ou apresentação em sua empresa. Você se sentirá mais confiante sobre o conteúdo e pode não ter que depender tanto das notas durante a apresentação.

Ao gerenciar um projeto

duas mulheres e um homem em uma sala de reinão, apoiado as nãos mesa, conversando sobre o projeto que está a frente deles em um papel

Alguns gerentes de projetos usam mapas mentais para fazer anotações nas reuniões. Em vez de escrever notas lineares, eles colocam o tópico da reunião no centro do mapa e criam subtópicos para cada ponto discutido.

Isso pode fazer uma grande diferença na forma como você participa de reuniões. Você presta mais atenção e sai com uma ideia muito melhor do que pode fazer a seguir para levar o trabalho adiante.

Fazer mapas mentais também pode ajudar a ordenar as tarefas do projeto. Quando você mapeia as coisas radialmente, você não precisa se preocupar com a ordem ou o tempo. Isso é diferente de um esboço ou um cronograma de Gantt, que exigem que você pense sobre essas coisas.

Em vez de se preocupar sobre qual parte de seu projeto vem primeiro na sequência, ou qual parte merece mais recursos, você pode se concentrar em outras coisas, como quais tarefas são mais importantes e quais recursos são necessários.

Ao tentar gerar novas ideias

ícones, lampada amarela, icone engrenagem, homem apontando com uma mão e segurando uma placa escrito ideas com a outra mão

Use mapas mentais para gerar ideias novas e inovadoras. As ideias podem se tornar confusas se forem escritas em uma lista. Mas, organizadas em um mapa mental, você pode explorar livremente as ideias e relacioná-las entre si. Isso pode ser uma ferramenta muito útil para pessoas que estão com falta de inspiração.

Entendeu como fazer um Mapa Mental? Então é hora de organizar as ideias!

Agora que você sabe como fazer um mapa mental, você pode usá-lo para organizar informações, planejar projetos, realizar reuniões e aprender coisas novas. Isso pode ajudá-lo a ser mais produtivo e criativo.

Quer melhorar sua gestão de projetos e garantir mais produtividade e criatividade? Então confira hoje o Software Neotriad e experimente por 14 dias gratuitos.

Banner-Teste-Neotriad-Pessoal

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − quinze =

Rolar para cima